Café & Preparos

SCA confirma realização da Specialty Coffee Expo em 2021 nos Estados Unidos

Em anúncio divulgado nesta quarta-feira (5), a Specialty Coffee Association (SCA) confirmou a realização da Specialty Coffee Expo ainda este ano. Cancelada em 2020 devido à pandemia, a feira acontecerá entre os dias 30 de setembro a 3 de outubro de 2021, em Nova Orleans, nos Estados Unidos.

De acordo com a organização, o evento seguirá um novo protocolo de segurança contra a Covid-19. “Ao lado de expositores de longa data, os eventos da feira que retornarão incluem o Best New Product Awards, o Coffee Design Awards, o Roaster Village, o US Coffee Championship e mais”, escreveu Yannis Apostolopoulos, CEO da SCA.

As inscrições serão abertas em 1º de junho. “Queremos agradecer a todos que permaneceram comprometidos com a missão da SCA e da Specialty Coffee Expo no último ano. Estamos ansiosos para receber nossos expositores e participantes em Nova Orleans”, comemorou.

Mais informações: coffeeexpo.org

TEXTO Redação

Café & Preparos

Dia das Mães: 6 opções de kits cafeinados para você dar de presente!

No próximo domingo (9) já é o Dia das Mães! A sua curte tomar café? Que tal inovar no presente deste ano e partir para as opções cafeinadas? Separamos 6 dicas que sua mãe vai amar receber!

Kit Café Store – Para todo o Brasil

Esse é comprar e começar a preparar café! A Café Store montou um combo composto por um conjunto kit Hario v60 (que contém uma jarra de 600 ml, um pacote com 40 unidades de filtro de papel, um porta-filtro Hario v60 número 02 e uma colher medidora) e três cafés selecionados de 250 g cada (um pacote da marca Silvia Magalhães + um pacote da Mono Cafés Especiais + um pacote do Gesha Cafés).

Valor: R$ 273
Onde: www.cafestore.com.br

Kit Melitta – Para todo o Brasil

A Melitta trouxe um combo que fará da sua mãe uma verdadeira barista em casa! O kit traz uma chaleira inox + uma jarra de vidro de 1 litro + um porta-filtro de porcelana branco número 102 + uma colher medidora. Vai dar café para a família inteira!

Valor: R$ 654
Onde: www.melitta.com.br/semanadasmaes-kitbarista

Kit OCabral Café – Para São Paulo (SP)

A cafeteria paulistana montou vários kits gostosos para você presentear sua mãe, entre eles este: um pacote de café + 200 g de biscoitos de amêndoas amanteigados + uma barra de chocolate sabor pão de mel + uma compota de maçãs orgânicas assadas + um açúcar de banho, lavanda e calêndula + três ecopads de algodão. Você pode escolher também a opção de caixa com harmonização de vinho. É necessário encomendar e as entregas serão feitas até o dia 9 de maio!

Valor: R$ 214
Onde: www.ocabral.com/caixas-cafe-da-manha

Kit CAFE AO LEU – Para Rio de Janeiro (RJ)

Foto: Ana Paula Santos/Studio Oliva

Olha o charminho deste presente! A cafeteria do Rio de Janeiro CAFE AO LEU preparou um combo com um café da casa de 250 g, cultivado no Sul de Minas pela produtora Paula Paiva + um copo de cerâmica da ceramista Renata Curado. Corre que são poucas unidades!

Valor: R$ 86
Onde: WhatsApp (21) 99886-9833

Kit Fuga Café – Para Curitiba (PR)

Foto: Carolina Castanho

Para as mamães de Curitiba (PR), a cafeteria Fuga Café montou uma caixa com comidinhas gostosas de café da manhã + pano de prato desenhado especialmente pela galera da Panos de Trapo!

Valor: R$ 92
Onde: linktr.ee/Fugacafe

Kit Civitá Fábrica – Para Brasília (DF)

A torrefação e nanopadaria brasiliense separou um kit especial para essa data. A caixa da Civitá Fábrica é composta por brioche de abóbora + dois pães de batata e fubá + bolo de cuscuz ou de banana com castanhas + três cookies + um pacote de café de 250 g + filtros de papel Melitta + acompanhamentos (600 g de pães fatiados + duas kombuchas + um cartão de felicitações). Encomendas até 6 de maio!

Valor: R$ 179
Onde: (61) 98363-0229

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Café & Preparos

A arte de reutilizar coadores de papel

Quando optamos por fazer café coado, descartamos os filtros de papel após a extração, mas há pessoas que acharam um jeito de reutilizá-los, transformando-os em arte. É o caso do Sidnei Robinson de Oliveira, morador de Mogi das Cruzes (SP) que descobriu, nos quadros feitos de coadores, um hobby.

De acordo com ele, tudo começa com a ajuda de vizinhos e amigos que diariamente fazem café e cedem ao artista os filtros usados. O material é exposto ao sol para secar e evitar a proliferação de fungos, e depois passa por uma nova limpeza para a retirada dos resquícios de pó de café. “Tendo em mente a medida do quadro que vou fazer, seleciono a quantidade aproximada de filtros a ser usados. A etapa de criação é uma incógnita. Por muitas vezes tenho tudo em mente e no decorrer do processo tomo outros caminhos”, conta.

Em algumas criações, Sidnei chega a usar até 3 mil filtros de papel. Depois de pronta, a tela é submetida a três camadas de cola branca. É o brilho da cola que revela os desenhos formados pelo café! “Percebi que essas telas agregam valores como reciclagem, sustentabilidade, inclusão social e ajuda na renda familiar”, explica o artista, que é cadeirante. Aos interessados, é possível realizar encomendas pelo Instagram.

Mais informações: instagram.com/robiney31

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Café & Preparos

Guia de Cafés #8: dicas do que estamos tomando

Mês de abril! Momento em que as fazendas estão se preparando para iniciar a colheita no próximo mês. Completado mais de um ano de pandemia de Covid-19, muitas marcas têm nos enviado cafés para divulgar novos trabalhos, produtos e lançamentos. Queremos então indicar os grãos especiais neste Guia de Cafés que foram recebidos pela nossa equipe. A proposta é que possamos “assinar embaixo” de produtos com rastreabilidade e qualidade.

Aqui na redação da Espresso estamos trabalhando todos de casa. Conte para nós que cafés está tomando e experimente essas novidades! Quem ainda continua trabalhando de casa, normalmente quer provar diferentes cafés e encontrar os preferidos. Ou ainda aproveite para presentear a sua mãe com estes cafés, que tal?!

As dicas de 8 marcas de cafés especiais desta leva da Espresso são grãos de variedades exóticas. Já ouviu falar da arara e da aranãs? A arara é queridinha dos produtores por resultar em bebidas muito saborosas, doces e complexas. A aranãs é um nanolote de uma pesquisa em plantio de agrofloresta da Fazenda Campo Místico de mudas da EPAMIG. Veja o que separamos para você:

Café da Rosa – Top 10 Arábica Fermentado do Coffee of The Year 2020 – Plus+

Produzido por: Café Cordilheiras do Caparaó
Produtores: Deneval e Rosa Vieira
Região: Cordilheiras do Caparaó – Iúna-ES
Variedades: catucaí 785
Espécie: arábica
Processamento: natural fermentado
Torrado por: Café Cordilheiras do Caparaó
Sensorial do café: jabuticaba, caju, melaço, noz-moscada, alecrim, acidez cítrica de limão e corpo aveludado
Outros cafés da marca: Café da Rosa
Preço: R$ 50 (250 g)
Compre: cafecordilheirasdocaparao.com.br ou (28) 99924-5525

Café Fazenda Floresta – Microlote Premiado Arara

Cafés Especiais de São Paulo – Concurso de Qualidade 2020
Produzido por: Fazenda Floresta
Região: Vale da Grama – Mogiana – São Sebastião da Grama (SP)
Espécie: arábica
Variedade: arara
Torrado por: Fazenda Floresta
Sensorial do café: mel, banana passa, acidez cítrica adocicada e finalização prolongada com sabor de caramelo
Preço: R$ 64 (250 g – lata)
Outros cafés da marca: Café Fazenda Floresta – Reserva Especial por R$ 20,60 (caixa de cápsulas com 10 cápsulas – compatíveis com sistema Nespresso)
Compre: www.cafefazenda.com.br  leia mais…

Café & Preparos

Empresas investem em tecnologias para digitalizar processo de classificação do café

Os dias de especialistas reunidos em uma sala fechada para degustar café e classificar grãos quanto à cor, aroma e sabor podem estar contados. Uma empresa israelense desenvolveu um aparelho portátil capaz de escanear grãos para determinar a qualidade. A máquina, que funciona com inteligência artificial, precisará de um humano para inserir os parâmetros de qualidade primeiro, mas, depois disso, será capaz de classificar o café antes mesmo de ser torrado.

A empresa concluiu um programa piloto com a Carcafe, divisão colombiana da Volcafe, uma das maiores tradings de café do mundo. Uma transição para os computadores transformaria a maneira tradicional como o café é classificado por humanos.

Os avaliadores Q-Graders, da ICE Futures US, em Nova York, realizam a trabalhosa tarefa de determinar a qualidade e o valor dos grãos de café recebidos pela Bolsa. As tradings e torrefadoras também costumam ter seus próprios avaliadores de qualidade.

A degustação é um processo complicado, não muito diferente daquele realizado pelos sommeliers de vinho. Os Q-Graders pesam o café e o moem em uma xícara. Sentem o aroma do pó seco, anotando a fragrância. A água aquecida a 93 graus celsius é derramada sobre a borra e os avaliadores sentem o cheiro do café úmido.

Após 4 minutos, a crosta que se forma na parte superior da xícara é rompida e a borra e a espuma são removidas. Depois de esperar 15 minutos para o café esfriar, a bebida é sorvida em uma colher.

“É o humano que estabelece a parte sensorial. Você precisa ensinar ao robô o que fazer”, disse Oswaldo Aranha Neto, veterano da indústria do café que acaba de entrar na Demétria como membro do conselho. No mês passado, a leia mais…

TEXTO Redação • FOTO Café Editora

Café & Preparos

5 mitos e verdades sobre o café

Muitos falam da cachaça como a bebida mais marcante do país, mas a verdade é que o café é a bebida mais consumida pelas famílias brasileiras — e esse caso de amor até se mistura à própria história de desenvolvimento nacional.

Presente na maioria das rotinas dos brasileiros, nas manhãs, após o almoço, no lanchinho da tarde e até madrugadas (para quem precisa ficar acordado), o café é nosso chamego, embora às vezes tentem fazer passá-lo como vilão. Um café de qualidade pode mudar nosso dia. Aqui elencaremos alguns mitos e verdades sobre a bebida mais consumida no Brasil.

1- Café ajuda a emagrecer

Verdade. Mas vamos com calma. O café passa longe de medicamentos ou suplementos que prometem emagrecimento, mas, por ser termogênico, aumenta a velocidade em que as reações metabólicas do organismo ocorrem. Alimentos como o café, chá verde, pimenta vermelha, mostarda e couve ajudam o emagrecimento por acelerarem o metabolismo, mas não são determinantes na hora de emagrecer.

2- Café dá dor de cabeça

Mito. Porém, é preciso esclarecer algumas situações em que o café pode desencadear dor de cabeça em pessoas com enxaqueca ou ansiedade intensa. O café age como estimulante do sistema nervoso. Embora tenha efeitos vasodilatadores no corpo, no cérebro ele age como vasoconstritor. E, embora em algumas pessoas a vasoconstrição cerebral possa diminuir dores de cabeça, em pessoas pré-dispostas (que possuem enxaqueca, por exemplo) o excesso de café pode, sim, desencadear cefaleia.

Como diria o ditado: a diferença entre o remédio e veneno é a dose. Caso tenha enxaqueca, ansiedade ou síndrome do pânico, converse com seu médico sobre a quantidade de café segura para você.

3- Café gera ansiedade

Mito. O café não gera ansiedade, mas a cafeína em excesso pode gerar taquicardia (um sintoma comum da ansiedade). A ansiedade é um estado natural de sobreaviso, mas que pode se tornar um quadro clínico de distúrbio psicológico e se manifestar de forma psicossomática.

A taquicardia é um dos sintomas comuns entre as pessoas que têm ansiedade, mas o café não está ligado a isso. O que pode acontecer, sim, é uma taquicardia gerada pelo consumo excessivo de cafeína, mas as chances de que isso aconteça por tomar café são mínimas — para não falar inexistentes. Vamos explicar.

A OMS recomenda no máximo 400mg de cafeína por dia, sendo que uma xícara de café (coado) de 200ml tem entre 80g e 100mg de cafeína apenas. Considerando a meia-vida da cafeína no corpo de 5-6 horas, seria necessário tomar aproximadamente meio litro de café puro e forte em um curto intervalo de tempo para que o limite fosse alcançado. Sua xícara de café pela manhã ou o expresso após o almoço não são capazes de desencadear uma taquicardia.

4- Café ajuda a curar ressaca

Verdade. Se um dia você acordar de ressaca e uma pessoa oferecer uma xícara de café puro, aceite. Não é mera tradição popular sem fundamento. Como falamos, o café possui efeito vasoconstritor nos vasos sanguíneos cerebrais e isso pode auxiliar a diminuir a dor de cabeça. Vale lembrar que a ressaca é também sintoma de desidratação, mas o café possui propriedades diuréticas. Combine o café preto com muita água e sua ressaca diminuirá sensivelmente.

5- Café envelhece

Mito. Pelo contrário: o café possui substâncias antioxidantes que combatem radicais livres, os quais, ao reagirem com outras células, promovem sua degradação. A maneira saudável de combater envelhecimento é aumentando a quantidade de alimentos e bebidas antioxidantes. Não à toa, o café se tornou, inclusive, um grão muito utilizado na indústria da beleza, presente em produtos cosméticos antienvelhecimento, especialmente para a região das olheiras.

FOTO Matt Hoffman

Café & Preparos

Organização Internacional do Café aposta em aumento do consumo mundial da bebida

Dados do relatório de março da Organização Internacional do Café (OIC) apontam que o consumo de café, em nível mundial, previsto para o ano-cafeeiro 2020/2021 (outubro a setembro), deverá ultrapassar 166 milhões de sacas de 60 kg, o que representa um aumento de 1,3% quando comparado com o consumo mundial do ano anterior.

Em relação aos países importadores de café, o consumo deverá atingir o equivalente a 115,96 milhões de sacas neste ano-cafeeiro 2020/2021. Já o consumo interno dos países exportadores de café deverá ser o equivalente a 50,66 milhões de sacas.

Em nível mundial, houve incremento no consumo de café no período da análise: Europa apresentou aumento de 1,2%, com 54,35 milhões de sacas; Ásia & Oceania com 36,50 milhões de sacas (+1,4%); América do Norte com 30,99 milhões (+1,4%); América do Sul com 27,18 milhões (+1%); África com 12,24 milhões (+1,8%); e México e América Central com 5,64 milhões (+0,2%).

Neste contexto, a OIC aponta que o aumento do consumo dentro de casa continua compensando a redução do consumo fora do lar, em decorrência de medidas de isolamento social adotadas em diversos países do mundo para mitigar os efeitos da pandemia de Covid-19.

Com relação às exportações globais, a OIC destaca que o volume acumulado nos cinco primeiros meses do presente ano-cafeeiro, ou seja, de outubro de 2020 a fevereiro de 2021, atingiu 52,81 milhões de sacas de 60 kg, o que representa um aumento de 2,5% se comparado com o mesmo período passado.

É possível verificar que a exportação de café do continente africano apresentou queda de 12,2% ao registrar 4,9 milhões de sacas. Uganda, maior produtor africano, teve um aumento de 9,6% nas exportações, mas, em contrapartida, a leia mais…

TEXTO Redação • FOTO Joshua Glass

Café & Preparos

Café das Amoras lança curso on-line com dicas para melhorar os cafés filtrados em casa

Destinado a consumidores de café que buscam melhorar a bebida em casa, profissionais que precisam ampliar o cardápio e melhorar as técnicas, e pessoas que buscam capacitação para abrirem seus negócios, o Café das Amoras disponibilizou o curso “Escola do Brazza – Domine as técnicas de preparo e beba todos os dias os melhores cafés da sua vida”.

Ministrado por Felipe Brazza, cafeicultor, mestre de torra e barista, o curso conta com 3 horas de conteúdo, divididas em 22 aulas que ficarão disponíveis para os participantes assistirem quando quiserem. Confira alguns dos temas que serão abordados:

  • Características dos cafés filtrados
  • As variáveis da extração
  • Técnicas de preparo
  • O principal componente de uma xícara de café
  • A melhor forma de armazenar o café
  • A relação do café especial com a gastronomia
  • Os cafés gelados (cold brew)
  • Como conservar o seu café
  • Como escolher o seu café especial
  • Etapas da manufatura do café especial
  • Os defeitos da semente do café
  • As estatísticas do café pelo mundo
  • As lendas do café
  • Como o perfil de torra influencia na sua bebida

“Eu vou ensinar com o que você tem em casa. Vamos filtrar com leiteira, usar Melitta. Vamos fazer uma série de coisas que vai mudar o seu dia a dia com os cafés”, explicou Felipe. 

Além dos vídeos, o pacote do curso on-line também conta com um e-book (com dicas, técnicas de preparo de cafés filtrados e as receitas feitas nas aulas), informações sobre modelos de cafeterias to go (take away) e uma comunidade exclusiva de pessoas também interessadas no assunto, com a oportunidade de tirar todas as dúvidas via WhatsApp.

O pacote completo está disponível por R$ 97 e as inscrições devem ser feitas clicando aqui.

Mais informações: www.escoladobrazza.com.br 

TEXTO Redação • FOTO Felipe Gombossy

Café & Preparos

Afinal, quando é o dia do café?

O Dia Internacional do Café (ou Dia Mundial como passaram a usar em 2021), comemorado em 14 de abril, não foi oficializado e também não existe registro que conte a sua origem. A data é apenas lembrada no Brasil, outros países produtores e consumidores não tem esse dia como referência.

A data oficial, anunciada pela Organização Internacional do Café (OIC), é em 1º de outubro. A primeira celebração do Dia Internacional do Café foi realizada em 2015 na 115ª sessão do Conselho Internacional do Café e do 1º Fórum Global do Café, na Expo Milão, na Itália.

Em diversas partes do mundo são realizadas homenagens ao café. No primeiro dia de outubro, os 74 estados membros da OIC e as 26 associações do setor cafeeiro de todo o mundo comemoram a diversidade, a qualidade e a paixão em todas as pontas da cadeia. A hashtag #internationalcoffeeday conta com mais 100 mil publicações. Portanto, por aqui, nosso Dia Internacional do Café é celebrado em 1º de outubro e não em abril.

Outra data muito importante para nós brasileiros é o Dia Nacional do Café, celebrado em 24 de maio, desde 2005, quando foi incluído no calendário de eventos do País por iniciativa da Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC). A data simboliza o início da colheita em grande parte das regiões cafeeiras do Brasil. É no período da colheita que se inicia uma nova safra.

Essa matéria foi originalmente publicada em 13 de abril de 2018. 

TEXTO Redação • FOTO Felipe Gombossy

Café & Preparos

Café faz bem! 5 benefícios da cafeína no nosso corpo

Café é sinônimo de energia, mas mais do que isso, a bebida pode trazer inúmeros benefícios para o corpo humano devido ao seu principal componente: a cafeína. Ao ser absorvida pelo organismo, a substância é levada até o cérebro pela corrente sanguínea, favorecendo a saúde e o bem-estar.

Daniela Zaminiani, barista da rede Sterna Café esclarece: “o café pode fazer muito bem ao corpo quando consumido com moderação, compondo uma dieta saudável se for ingerido diariamente”. Confira abaixo 5 benefícios que o queridinho dos brasileiros atribui ao corpo humano:

Auxilia na nossa memória

Para quem ainda não está habituado a consumir café todos os dias, os primeiros goles da bebida ajudam na fixação de algumas memórias no cérebro e reforçam as lembranças. Além disso, segundo estudos de pesquisadores da Universidade do Sul da Flórida, nos Estados Unidos, o café pode ajudar a prevenir o Alzheimer.

Intensifica o foco e a atenção

Quem se sente constantemente cansado tem a cafeína como parceira no dia a dia. Pesquisas mostram que o consumo de café com cafeína pode ajudar a combater a sonolência. Entretanto, muitas doses podem causar o efeito reverso e atrapalhar a atenção.

Aumenta a estimativa de vida

Os entusiastas do café possuem menos chances de morrer de doenças cardíacas, diabetes e câncer. Além disso, o café também ajuda na digestão, combate ao estresse, é bom para a pele, pode ajudar na prevenção de Parkinson e cálculos da vesícula.

Ajuda a diminuir o estresse

Sabia que o famoso cheirinho de café pode reduzir o estresse de uma noite mal dormida? Testes mostram que todos os animais que sentiram o aroma do café apresentaram diferentes níveis de atividades como funções antiestresse, autorregulação do corpo e da mente, e prazer.

Auxilia nos exercícios físicos

A ingestão diária de café, não apenas pela cafeína, mas pelos demais componentes existentes na bebida, beneficia quem pratica exercícios. A cafeína possui efeitos comprovados, dentre eles: aumenta o rendimento em exercícios, reduz a fadiga e aumenta a concentração e o estado de alerta. Clique aqui para saber mais sobre a relação entre a cafeína e os exercícios físicos.

TEXTO Redação • FOTO Felipe Gombossy