Mercado

Café quentinho por mais tempo: conheça as novas garrafas térmicas da Sanremo

Para compor a mesa de café da manhã, a Sanremo lançou duas garrafas térmicas da linha Expressar: a branca para o leite e a preta para o café. As novidades têm capacidade para 1 litro e garantem até 6 horas de bebida quentinha. Elas também seguram líquidos gelados por até 12 horas. Na hora de servir, pode-se observar os sistemas superjato e antipingo. As garrafas são produzidas com pigmentos não tóxicos e são livres de BPA (Bisfenol A).

Mais informações: sanremo.com.br

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Mercado

Nespresso lança edição limitada com grãos cultivados em região revitalizada da Nicarágua

Resultado de um processo de fermentação com a aplicação de leveduras selecionadas, a Nespresso apresenta, a partir deste mês, a edição limitada Master Origins Nicaragua La Cumplida Refinada. O desenvolvimento da novidade faz parte de uma intervenção da marca na Nicarágua por meio de agricultura regenerativa, apoio as comunidades locais e compromisso na criação de uma cadeia positiva do café para o futuro.

Até o momento, cerca de vinte fazendas da região de La Cumplida contribuem com frutos de café, sendo todas elas paraísos agroflorestais. O projeto proporcionou trabalho sazonal contínuo para muitos trabalhadores, criando centenas de empregos e fazendo com que as pessoas da região gerenciassem a colheita, a fermentação e a secagem das cerejas de café, bem como a construção do armazém de processamento. A Nespresso também está apoiando as fazendas locais com o plantio de até 100 mil árvores nativas, ajudando a proteger a natureza e a sustentar a produção de café de alta qualidade sustentável nesta região.

“O segredo de Master Origins Nicaragua La Cumplida Refinada está no processo de fermentação, aprimorado por verdadeiros mestres no cultivo dos grãos. Por meio de muita pesquisa e diversos testes, os produtores entenderam que a aplicação de leveduras selecionadas diretamente nos frutos do café, após a colheita manual associada a uma fermentação de 72 horas, resulta em um perfil supreendentemente doce e com uma explosão de notas de frutas cristalizadas, cereja e romã”, afirma Daniela Santos, Coffee Amabassador da Nespresso no Brasil.

Especialistas da marca desafiaram os produtores locais, que fizeram testes a fim de explorar e aperfeiçoar o processo de fermentação em uma metodologia similar ao realizado no universo dos vinhos. A novidade, composta por grãos arábica de La Cumplida, é realçada por todo o processo de fermentação e finalizada com uma torra clara.

Master Origins Nicaragua La Cumplida Refinada estará disponível entre 31 de junho e 1 de julho, ou enquanto durarem os estoques, nos canais oficiais da marca, Boutiques, site, aplicativo ou pelo telefone 0800 7777 737. Cada cápsula custa R$ 3,10 e o estojo com dez unidades sai por R$ 31.

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Mercado

Cenário econômico mundial e mercado de café sob a perspectiva Voiter é tema de live da Expocaccer

A Cooperativa dos Cafeicultores do Cerrado (Expocaccer) realizará nesta terça-feira (22), às 19h, uma live no canal do YouTube com o tema “Cenário Econômico Mundial e Mercado de Café Sob a Perspectiva Voiter”.

Desta vez, os especialistas Roberto Dumas e André Mesquita serão os convidados e a mediação será feita pelo Presidente do Conselho de Administração da Expocaccer, Glaucio de Castro.

A Jornada da Qualidade da Expocaccer está em sua 10ª edição. A live desta terça-feira é a sétima da série de transmissões que foi iniciada em abril e está levando ao público informações relevantes sobre todos os processos que envolvem a colheita de café.

O Programa Jornada da Qualidade Online da Expocaccer tem em sua programação a previsão de variados temas que serão abordados até o fim do ano. As datas e horários das próximas lives serão divulgadas no site e redes sociais da Expocaccer, no www.expocaccer.com.br ou @expocaccer (Instagram e Facebook).

Jornada da Qualidade Expocaccer

Realizada tradicionalmente de forma presencial, percorrendo comunidades rurais de Patrocínio e região e reunindo cafeicultores, familiares e colaboradores das fazendas o Programa Jornada da Qualidade teve que se readaptar à nova realidade imposta pela pandemia da Covid-19 e continuar levando conhecimento e promovendo a troca de experiências aos seus públicos em formato virtual.

Confira abaixo alguns dos temas confirmados na Jornada da Qualidade Online:

– Cuidados Trabalhistas na Colheita de Café
– Melhoramento Genético com Foco na Qualidade e Produtividade
– Manejo do Pós-Colheita com Foco em Secagem
– Inteligência de Mercado

TEXTO Redação • FOTO Felipe Gombossy

Mercado

Conheça os vencedores do 30º Prêmio Ernesto Illy de Qualidade Sustentável para Espresso

Na última quinta-feira (17) aconteceu a premiação virtual do 30º Prêmio Ernesto Illy de Qualidade Sustentável para Espresso. Na ocasião, foram conhecidos os ganhadores da fase nacional: dois de Minas Gerais e uma de São Paulo.

Em ordem alfabética, os três premiados são Agro Fonte Alta, do Sul de Minas; Daniella Romano Pelosini, de São Paulo; e José Marques de Araújo, das Matas de Minas. A colocação do trio será conhecida no 6º Prêmio Internacional Ernesto Illy, marcado para dezembro, onde os produtores brasileiros também concorrerão ao título com 24 cafeicultores de outros oito países fornecedores da illycaffè.

Representantes da Agro Fonte Alta / Daniella Pelosini / José Marques de Araújo

Ainda na fase nacional, foram premiados os produtores Ronalt Marques de Araújo, das Matas de Minas, em 4º lugar; Eduardo Pinheiro Campo, do Cerrado Mineiro, em 5º lugar; e Luís Manuel Ramos Fachada Martins da Silva, da Chapada de Minas, em 6º lugar. Além deles, foram conhecidos os campeões regionais e os classificadores do ano:

Campeões regionais

Centro-Oeste
1º lugar:
Carlos Alberto Leite Coutinho

Cerrado Mineiro
1º lugar:
Eduardo Pinheiro Campos
2º lugar: André Diniz Freitas

Chapada de Minas
1º lugar:
Luís Manuel Ramos Fachada Martins da Silva
2º lugar: Sergio Meirelles Filho

Matas de Minas
1º lugar:
José Marques de Araújo
2º lugar: Ronalt Marques de Araújo

Rio de Janeiro
1º lugar:
Everardo Tardin Erthal

São Paulo
1º lugar:
Daniella Romano Pelosini
2º lugar: Luiz Miguel Costa Rocha

Sul de Minas
1º lugar:
Agro Fonte Alta
2º lugar: Adeniuso João Zanetti

Prêmio Classificador do Ano

1º lugar: Rafael Marques de Araújo (Matas de Minas)
2º lugar: Luiz Evandro Ribeiro (Sul de Minas)
3º lugar: Vagner Amaral (Cerrado Mineiro)

O evento contou com a participação de lideranças da illycaffè, como o CEO Massimiliano Pogliani, o presidente Andrea Illy e os diretores Anna Illy e Alessandro Bucci, diretamente de Trieste, no norte da Itália.

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Mercado

La Marzocco: Máquina de espresso conectada à internet chega ao Brasil

A marca italiana de máquinas de espresso e moagem de café, La Marzocco, acaba de lançar uma novidade ao mercado: agora é possível conectar a Linea Mini à internet, via aplicativo. O objetivo é que o consumidor se adapte, através do celular, a cada detalhe da máquina na hora de preparar o seu café.

O programa traz a opção de ligar remotamente, assim a Linea Mini fica pronta para uso antes mesmo do consumidor chegar em casa ou no escritório, ele conta ainda com: controle de temperatura, pré-infusão, dicas e um relatório de registro de extrações. Qualquer smartphone conectado à máquina recebe feedbacks em tempo real sobre o preparo, avisos de manutenção e limpeza e a função de agendamento semanal para ligar e desligar. leia mais…

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Mercado

Evento on-line e gratuito voltado para mulheres empreendedoras acontece até quinta-feira (17)

Para estimular ainda mais o empreendedorismo feminino e a capacitação das mulheres que estão à frente dos pequenos negócios ou que desejam empreender, o Sebrae Minas e a Fecomércio MG promovem, de 14 a 17 de junho, o Conexão Delas. O evento on-line e gratuito está com inscrições abertas pelo site do Sympla.

A abertura está marcada para às 19h da segunda-feira (14), com a palestra “Mulheres e o empreendedorismo”. Os outros três dias de evento vão tratar das principais dificuldades enfrentadas por muitas mulheres para gerir seus negócios. No dia 15, o assunto será sobre as oportunidades e desafios do mercado para elas, além de tendências de negócios em meio à crise, e ainda como manter a produtividade da empresa em tempos tão desafiadores.

“Queremos que as mulheres estejam cada vez mais preparadas para liderar suas próprias empresas. Afinal, elas estão à frente da metade dos novos empreendimentos abertos no Brasil nos últimos anos. Nós incentivamos leia mais…

TEXTO Redação

Mercado

Harmonia entre café e leite: Nespresso Professional apresenta nova linha Milk Range

Difícil dizer quem não é fã de uma xícara de café com leite. De acordo com pesquisa conduzida pelo time de Marketing Global da Nespresso Professional, 40% de todos os consumidores da marca tomam, habitualmente, café com leite. Com a proposta de proporcionar experiências democráticas e personalizadas a todos os paladares, não apenas para o público em geral, mas também para os clientes da linha profissional, a companhia criou a linha Milk Range.

Disponível em duas torras, Bianco Delicato e Bianco Intenso, as novas cápsulas foram desenvolvidas para uma harmonização perfeita entre café e leite. A novidade torna-se boa opção no preparo desde um simples pingado, até composições mais elaboradas, como cappuccino ou lattes em xícaras maiores, criando uma atmosfera que permite novos rituais e maneiras de degustação, oferecendo aos consumidores diversas receitas e criações.

“Nós entendemos que não existe apenas uma maneira de beber café, por isso investimos constantemente em pesquisa e inovação no desenvolvimento de soluções que antecipem tendências e atendam às necessidades de nossos consumidores mais exigentes e a Milk Range é um exemplo disso. A novidade vai muito além de um café que também vai bem com leite, trata-se de abordagem totalmente nova, uma evolução do que vai para xícara com a fusão dos dois ingredientes. Nós da Nespresso Professional leia mais…

TEXTO Redação • FOTO Divulgação

Mercado

Guia de Cafés #9: dicas do que estamos tomando

Mês de junho! A colheita já começou em muitas regiões de café pelo Brasil, mas ainda não deu tempo dos cafés dessa safra chegarem até nós consumidores (sim, estamos ansiosos!). Então, por enquanto, os cafés que você encontrar por aí, na sua grande maioria, ainda serão da safra 2020/2021.

Recebemos os últimos cafés dessa safra passada que foi maravilhosa e fez história! Mas, como não podemos ficar nem um dia sem café, queremos então indicar os grãos especiais neste Guia de Cafés daqueles que foram recebidos pela nossa equipe. A proposta é que possamos “assinar embaixo” de produtos com rastreabilidade e qualidade.

Aqui na redação da Espresso ainda estamos trabalhando todos de casa, faz 15 meses. Conte para nós que cafés está tomando e experimente essas novidades!

As dicas de mais de 15 cafés especiais desta leva da Espresso são grãos super variados. Quer nos enviar? Saiba como no fim dessa matéria. 

Veja o que separamos para você e aguardamos a safra 2021/2022:

Terrafé

Café 1º lugar do Concurso Estadual 2020 – Prêmio Cafés Especiais do Espírito Santo
Produzido por: Sítio Raio de Luz
Produtor: William Dalvi Sartori e Família Sartori
Região: Montanhas do Espírito Santo – Bateia/Castelo (ES)
Variedade: catucaí 785
Espécie: arábica
Torrado por: Terrafé
Sensorial do café: pêssego em calda, limão siciliano e flor de café
Preço: R$ 69 (150 g)
Compre!

Café 4º lugar Coffee of The Year – Categoria Arábica
Produzido por: Sítio Forquilha do Rio
Produtor: Greciano Lacerda
Região: Caparaó – Dores do Rio Preto (ES
Variedade: caparaó amarelo
Espécie: arábica
Processamento: cereja descascada
Sensorial do café: rapadura, graviola e chocolate
Torrado por: Terrafé
Preço: R$ 36 (250 g)
Compre!

Cafe ao Leu

Produzido por: Sítio Forquilha do Rio
Produtor: Zé Alexandre Lacerda
Região: Caparaó – Espera Feliz (MG)
Variedade: caparaó amarelo
Espécie: arábica
Processamento: cereja descascada
Torrado por: Café ao Leu
Esse café esgotou. Outros cafés da mesma região: Café do Celso (R$ 33) / Café do Clayton (R$ 45) / Café do Nilton (R$ 33)
Compre!

Orfeu Cafés Especiais – Microlote Premiado

Café campeão do Aroma BSCA 2020
Produzido por: Fazenda Sertãozinho
Região: Sul de Minas – Botelhos (MG)
Variedade: arara
Espécie: arábica
Processamento: natural
Torrado por: Orfeu Cafés Especiais
Sensorial do café: frutas vermelhas e rapadura
Preço: R$ 49,90 (250 g) – Embalagem normal – A embalagem da garrafa foi uma edição limitada
Compre! leia mais…

TEXTO Redação • FOTO Mariana Proença

Mercado

Inscrições abertas para a Coffee Run Desafio Virtual 2021

A Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) promove a primeira edição virtual da ABIC Coffee Run. Essa é a segunda edição do evento, que teve seu projeto-piloto em 2019 de forma presencial. A edição de 2020 foi cancelada por conta da pandemia.

A ideia da associação é estimular a prática esportiva e promover o bem-estar. A ação também tem como objetivo divulgar os benefícios do consumo regular de café para a saúde, que vão desde a melhora no desempenho esportivo até a prevenção de diversas doenças, como depressão e diferentes tipos de câncer.

Ao contrário das tradicionais corridas de rua,  a Coffee Run Desafio Virtual 2021 aposta em um modelo virtual, no qual os atletas participam de forma individualizada e escolhem a melhor data e local para realizarem seu percurso. A ideia é evitar as tradicionais aglomerações para que todos continuem se protegendo, sem deixar de lado a caminhada ou a corrida.

Para participar, os interessados devem se inscrever no site até dia 31 de agosto e escolher entre corrida (4k ou 8k) ou caminhada (2k ou 4k). Depois, é concluir o desafio, enviar seu tempo por link através de aplicativos como Strava, Garmim ou Polar e voltar para o site da Coffee Run para realizar o upload, na “Área do Atleta”, até o dia 5 de setembro. Os resultados individuais serão divulgados na página do evento.

Todos os inscritos receberão um kit com camiseta em poliamida, caneca, máscara, medalha e certificado virtual.

Serviço
Coffee Run Desafio Virtual 2021
Inscrições: até dia 31/8 pelo site
Envio do tempo: até dia 5/9
Valor da inscrição:  a partir de R$ 90,00

TEXTO Redação • FOTO Arek Adeoye

Mercado

Consumo global de café deve apresentar crescimento de 1,9%

Dados analisados pela Embrapa Café sobre o consumo da cafeicultura global, com base no Relatório sobre o Mercado de Café – Maio 2021, da Organização Internacional do Café (OIC), apontam que o consumo mundial de café no ano-cafeeiro 2020/2021 deve atingir um volume físico equivalente a 167,58 milhões de sacas de 60 kg, o que representa um acréscimo de 1,9% em comparação com o consumo registrado no ano-cafeeiro anterior, que foi de 164,43 milhões de sacas. A Europa será responsável por 32,5% do consumo mundial de café, a Ásia & Oceania por 21,9%, a América do Norte por 18,9%, a América do Sul por 16,2%, a África por 7,3% e México & América Central por 3,2%.

Neste contexto global do consumo de café, um ranking dos seis blocos econômicos, em termos de volume e respectivo crescimento percentual, em relação ao período anterior, demonstra a seguinte performance em ordem decrescente de volume: a Europa, em primeiro lugar, com 54,25 milhões de sacas a serem consumidas,  apresentará um crescimento de 1,8%; na segunda posição vem a Ásia e Oceania, com 36,70 milhões de sacas (+1,3%); e, na sequência, a América do Norte, com 31,77 milhões de sacas (+3,7%).

Em quarto lugar está a América do Sul, com 27,23 milhões de sacas (+1,2%); seguida pelo continente Africano, com 12,27 milhões de sacas (+2,1%); e pela região do México e a América Central, com 5,36 milhões de sacas (+0,7%), também se comparado com o consumo do ano-cafeeiro anterior.

No relatório, a OIC atribui o aumento do consumo mundial de café à queda das restrições ligadas à pandemia da Covid-19 em alguns países e às perspectivas de uma recuperação econômica subsequente, além da confiança dos consumidores, fatores que têm sinalizado uma tendência positiva no consumo mundial de café. Assim, conforme a Organização, o consumo deverá crescer 2,3% nos países importadores e 1% nos países exportadores.

O relatório completo está disponível aqui.

TEXTO Redação • FOTO Jim Kalligas