Mercado

Café de origem mineira e novas lojas são as novidades da Starbucks para agosto

A Starbucks lançou o Single Origin Brazil Minas Gerais, um café cultivado e exportado pela Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé). Segundo Sandra Collier, Coffee Master e Head de Marketing da Starbucks Brasil, a parceria com a cooperativa é de longa data. “A Cooxupé é uma grande exportadora, com 140 fazendas e 80% delas comandadas por mulheres. Nossa ideia é influenciar positivamente onde atuamos e contribuir com investimento, preço justo e total apoio às mulheres”, afirma.

Segundo a Starbucks, o café passou pelo processo natural, torra e acidez médias. Para Sandra, é uma bebida equilibrada, com notas de cereja, achocolatado e um final frutado. Desde 2006 a marca comercializa o Brasil Blend, mas é a primeira vez que foca em um café de origens, ou seja, grãos de uma mesma região, que serão distribuídos em treze países da América Latina como Aruba e Curaçao, Bahamas, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, Trinidad Tobago e Uruguai. “O objetivo é apresentar a qualidade do café brasileiro para estes países”, comenta Sandra.

“Hoje o consumidor busca conhecer mais sobre o café, explorar, e queremos cada vez mais nos conectar com os clientes”, afirma a Coffee Master, que convida o consumidor que deseja aprender um pouco sobre os grãos da Starbucks a visitar as lojas. “Diariamente, a partir das 16h, são realizadas degustações abertas ao público. Não é necessário inscrições prévias e vocês poderão conhecer ainda mais as nossas bebidas”, completa.

Outra novidade é que após 13 anos atuando apenas no eixo Rio – São Paulo, o próximo destino da marca é Florianópolis, em Santa Catarina. As lojas ficarão localizadas no novo aeroporto da região, o Floripa Airport, que fica no sul da ilha. O anúncio consolida o plano de expansão da marca no mercado local. A inauguração está prevista para o mês de outubro.

“Estamos muito felizes em escrever mais esse capítulo da história da Starbucks no Brasil, chegando a um polo turístico e uma capital importante como Florianópolis, gerando novos empregos e agregando ainda mais movimento à economia da região. Na Starbucks valorizamos as trocas e momentos de conexão humana, por isso esperamos compartilhar nossa paixão pelo café e também aprender sobre a cultura e estilo de vida dos consumidores florianopolitanos”, conta Claudia Malaguerra, diretora geral da Starbucks Brasil.

TEXTO Natália Camoleze • FOTO Gabriela Kaneto

Deixe seu comentário