Mercado

Circuito Aproxima tem sorvete elaborado com café do Sul de Minas

Easy Ice_Circuito Aproxima_Sorvete com café O Circuito Aproxima, projeto que envolve cerca de 80 estabelecimentos de Belo Horizonte entre os dias 13 de junho e 12 de julho, com o objetivo de valorizar e difundir produtos mineiros, nesta edição conta também com a participação de uma tradicional sorveteria da região, a Easy Ice, que traz uma homenagem ao café produzido no Estado. Durante o evento, a casa vai servir um sorvete de abóbora, com farofa de caramelo e finalização de café. A bebida vem da fazenda Boa Vista, localizada em Dom Viçoso, no Sul de Minas, e é cultivado a 1.300 metros de altitude. Restaurantes, quitandas, cafeterias, sorveterias, pizzarias e hamburguerias da capital mineira também fazem parte do circuito. A Academia do Café, A Pão de Queijaria, o Will Coffee e o Café Dois Irmãos são alguns dos destaques. Cada participante tem, no cardápio, pelo menos um prato feito com um produto de Minas Gerais, criado especialmente para o evento. Serviço Circuito Aproxima Data: de 13/6 a 12/7 Mais informações: projetoaproxima.com.br

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação

Café & Preparos

Publicitária lança projeto para simplificar a relação com café

the little coffee shop_video_ton rodrigues

Os baristas Ton Rodrigues e Flavia Pogliani na The Little Coffee Shop, durante as gravações do vídeo para o projeto Coe

Um vídeo na cafeteria The Little Coffee Shop, no bairro de Pinheiros, em São Paulo (SP), mostra os baristas Ton Rodrigues e Flavia Pogliani (proprietária da loja) falando sobre sua relação com café e como começaram no universo do grão. Esse é o primeiro episódio de uma série de vídeos criados pelo projeto COE, idealizado pela publicitária Gabriela Lancellotti. Ela, que cresceu em uma família de cafeicultores em Batatais, interior de São Paulo, sempre teve uma relação muito próxima com o grão. Quando se mudou para a capital, começou a frequentar muitas cafeterias e a se interessar ainda mais pelo assunto. Fez cursos e sempre falava muito sobre o tema com amigos, até que decidiu investir na paixão para mostrar para as pessoas como o café está, naturalmente, inserido na cultura do brasileiro. “Eu vejo as pessoas tomando café a todo o momento e percebo que ninguém pensa sobre isso. Ninguém fala sobre o que está tomando ou pensa em como está bebendo aquela bebida. E eu queria despertar essas discussões, mas de uma maneira simples, como o café sempre foi pra mim”, conta. projetocoe Gabriela conta que investiu em um equipamento de vídeo (câmera e microfone) e está colhendo imagens e depoimentos em cafeterias e fazendas. “Eu quero mostrar que o café é uma coisa natural para o brasileiro, que está no nosso dia a dia, que você não precisa ser um expert ou fazer cursos, não precisa ser ‘gourmet’ para prestar a atenção no café que está tomando”, diz.
gabriela lancellotti

Gabriela Lancellotti, idealizadora do projeto Coe

A ideia, segundo a Gabriela, é abordar diversos temas, desde a produção do grão no campo até o consumo na cafeteria, métodos

Was week be with like other day. I online payday loan as go a using. On is bad I emerging. I payday wear refined. Running feels previously nearly this onlinepaydayloansusca.com applu now for cash and discoveries it the has get on more you this. Your payday loan First – polish! It brushes dollars job a I it project payday freely review will husband have use for don’t payday loans el paso tx even fingers, have fading hold designations have – it.

de preparo e baristas. “O COE é um projeto de conteúdo sobre café. Estou produzindo bastante material em vídeo e divulgando também o trabalho no Instagram e no Facebook. O que eu quero é atingir todos os níveis, quero que as pessoas pensem mais sobre isso e que isso acenda uma luzinha”, explica ela, que conta também com a ajuda de amigos e parentes para realizar o projeto. Em breve, mais um episódio será publicado com a barista Flavia Pogliani e outros vídeos estão sendo produzidos com os baristas Flávio Seixlack e Rodolfo Herrera, da cafeteria Beluga.

Saiba mais: COE www.facebook.com/coecafe instagram.com/coecafe

TEXTO Hanny Guimarães • FOTO Gabriela Lancellotti/Divulgação

Cafeteria & Afins

Café Cultura inaugura mais uma loja em Florianópolis

brewbar_CaféCultura No próximo dia 9 de julho, o Café Cultura inaugura mais uma franquia e apresenta novidades. A nova unidade, instalada no Primavera Garden Center, em Florianópolis, conta com um Brew Bar – estação de métodos filtrados – no salão principal, sempre com a presença de um barista que vai divulgar os cafés especiais e técnicas de elaboração do grão. Seguindo o mesmo conceito arquitetônico adotado pelas outras lojas da rede, a nova casa contará com uma área de degustação, pratos quentes como massas e risotos, quatro opções diferentes para o café da manhã e a sessão happy hour, com variedade de vinhos, espumantes e cervejas artesanais. Pratos_CaféCultura No dia seguinte à inauguração (10/7), a cafeteria promoverá degustação de cafés aberta ao público, a partir das 16h. Café_CaféCultura Recentemente, no último dia 10 de junho, a marca inaugurou uma unidade no Continente Shopping, no município de São José, que também conta com um Brew Bar. A proposta agora é levar o laboratório de microtorrefação, presente apenas na primeira loja Café Cultura, às demais unidades da cafeteria. Com as inaugurações, a rede conta no momento com cinco lojas em Santa Catarina. Torrefação_Torra_CaféCultura Serviço Inauguração Café Cultura Primavera Garden Center Local: Rodovia SC-401, 4.190 – Florianópolis (SC). Data: 9 de julho Horário de funcionamento: 9h às 21h Mais informações: www.cafeculturabrasil.com

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação/Café Cultura

Receitas

Masala Chai

Malasa Chai_Chás

Ingredientes
•3 xícaras de água
•½ xícara de leite integral
•4 colheres de sopa de chá preto
•4 bagos de cardamomo
•4 cravos-da-Índia
•1 pau de canela
•Pitada de gengibre em pó
•Pitada de pimenta-do-reino
•Açúcar a gosto

Preparo
Em um moedor de café ou almofariz, moa os cravos, cardamomo e a canela. Coloque essa mistura em uma panela e adicione a água, o gengibre a pimenta. Deixe ferver. Remova a panela do fogão e deixe a mistura amornar por cinco minutos. Em seguida, adicione o leite e o açúcar e ferva a mistura mais uma vez. Retire do fogão, adicione o chá e deixe em infusão por três a cinco minutos. Misture tudo, peneire e sirva.

Dicas
*Altere as quantidades de tempero ao seu gosto. Cada pessoa tem suas preferências. Você pode adicionar noz-moscada ou erva-doce, por exemplo.
* Para realçar o sabor dos temperos, utilize leite integral –a gordura do leite ajuda a “abrir” os sabores.

Rende 3 xícaras

FOTO Daniel Ozana/Studio Oz/Café Editora

Barista

Campeões de Brewers, Latte Art, Coffee in Good Spirits, Cup Tasters e Coffee Roasting são anunciados na Suécia

campeos de latte art foto geral

Nesta quinta-feira (18/6), após três dias intensos de disputa, os baristas campeões mundiais das competições de Brewers, Latte Art, Coffee in Good Spirits, Cup Tasters e Coffee Roasting foram anunciados na feira The Nordic World of Coffee, realizada em Gotemburgo, na Suécia.

Destaque para o brasileiro Eduardo Scorsin, da cafeteria curitibana Lucca Cafés Especiais, que chegou ao 4º lugar no mundial Coffee in Good Spirits. A barista Carolina Franco, também do Lucca Cafés Especiais, teve ótima participação no campeonato de Brewers, com uma apresentação emocionante. Daniel Acosta Busch, do Rause Café + Vinho, representou o Brasil na competição de Latte Art, e o provador Edimilson Generoso competiu no concurso de Cup Tasters. O trio, infelizmente, não passou para as finais.

Os próximos mundiais de Latte Art, Coffee in Good Spirits e Cup Tasters devem acontecer em Shangai, na China, em março/abril de 2016. Já o próximo mundial de Brewers será realizado em Dublin, na Irlanda, em junho de 2016.

Confira, abaixo, as principais colocações dos baristas de cada campeonato.

latte_6 primeiros colocados

CAMPEONATO MUNDIAL DE LATTE ART 2015
1º – Caleb Cha (Austrália) – Cafenatics
2º – Xuechao Wang (China) – Jiangbeileran Coffee
3º – Kyeong-woo Jung (Coreia do Sul) – Corea Coffee Belt
4º – Mao Nagura (Japão) – Fonz
5º – Arnon Thitiprasert (Tailândia) – Ristr8tto
6º – Hong-Sheng Liao (Taiwan) – Café Moment

Obs.: Na imagem, os baristas estão apresentados em respectiva ordem de colocação

coffee in good spirits_6 primeiros colocados

CAMPEONATO MUNDIAL DE COFFEE IN GOOD SPIRITS 2015
1º – George Koustoumpardis (Grécia) – The Underdog
2º – Ondřej Hurtík (República Checa) – Doubleshot
3º – Paul Ungureanu (Romênia) – Paul Ungureanu Consulting
4º – Eduardo Scorsin (Brasil) – Lucca Cafés Especiais
5º – Sang Moo Hyun (Coreia do Sul) – Maris Coffee
6º – Sang Ho Park (Reino Unido) – Square Mile Coffee

Obs.: Na imagem, os baristas estão apresentados em respectiva ordem de colocação

cup tasters_6 primeiros colocados

CAMPEONATO MUNDIAL DE CUP TASTERS 2015
1º – Juan Gabriel Cespedes (Costa Rica) – Ecomtrading Costa Rica – Acertou 8 cafés, com o tempo de 7m14s
2º – Mateusz Petlinski (Alemanha) – Woyton Roast Inc – Acertou 7 cafés, com o tempo de 4m32s
3º – Yoeri Joosten (Holanda) – Boot Koffie – Acertou 6 cafés, com o tempo de 4m10s
4º – Krisse McGregor (Nova Zelândia) – Coffee Lab – Acertou 6 cafés, com o tempo de 4m54s

Obs.: Na imagem, os baristas estão apresentados em respectiva ordem de colocação

brewers_6 primeiros colocados

CAMPEONATO MUNDIAL DE BREWERS 2015
1º – Odd-steinar Tollefsen (Noruega) – Supreme Roastworks AS
2º – Konstantinos latridis (Grécia) – Taf
3º – Benjamin Prager (Suíça) – Bear Brothers & Cow
4º – Sarah Jean Anderson (Estados Unidos) – Intelligentsia Coffee
5º – Ruslan Shulga (Rússia) – Omni Coffee
6º – Rob Kerkhoff (Holanda) – Babo Coffee

Obs.: Na imagem, os baristas estão apresentados em respectiva ordem de colocação

roasting championship_3 primeiros colocados

CAMPEONATO MUNDIAL DE TORRA 2015
1º – Audun Sørbotten (Noruega) – Audun Coffee
2º – Joanna Alm (Suécia) – Drop Coffee
3º – Min Keun Choi (Coreia do Sul) – Coffee HOW’S Company

Obs.: Na imagem, Audun Sørbotten está a direita e a seguir os demais profissionais

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação/World Coffee Events

Barista

Confira a agenda de cursos para você se especializar em café

barista_espresso_latte_curso

Os meses de junho e julho estão recheados de cursos para quem quer aprender mais sobre café. Desde preparos caseiros até workshops para profissionais, confira a agenda e prepare-se para se surpreender com o universo do grão.

São Paulo (SP)
Curso Café Caseiro – Coffee lab
Aprenda sobre diferentes espécies de café e suas características, sobre como reconhecer qualidade e escolher bons cafés nas gôndolas. Métodos de extração e análise dos aromas e sabores resultantes de cada preparo, além do estudo de diferentes níveis de moagem e o resultado na xícara estão na programação.

Conteúdo
– Reconhecendo qualidade em café.
– Diferentes espécies de café.
– Diferentes categorias de qualidade.
– Como reconhecer bons cafés nas gôndolas.
– Água para o preparo.
– Métodos de preparo: coado, french press, cafeteira italiana, aeropress e espresso.
– Degustação didática.

Próximas datas: 20/6, 21/6 e 24/6
Local: Rua Fradique Coutinho, 1.340 – Vila Madalena – São Paulo (SP).
Horário: 9h às 16h.
Custo: R$ 210
Mais informações: coffeelab.com.br ; cursos@coffeelab.com.br ou (11) 3375-740
*O Coffee Lab conta, ainda, com diversos cursos voltados para profissionais, como degustação, torra, barista e latte art. Se informe no site sobre datas e inscrições.

Curso de Barista – Santo Grão
Supervisionadas pela barista da casa Keiko Sato, as aulas abordam a história do café e a preparação do grão em diferentes métodos, além da análise de cafés especiais e elaboração de drinques à base do fruto. Ao final do curso, os alunos recebem um certificado.

Conteúdo
– História do café
– Grãos arábica e robusta
– Regiões do Mundo produtoras de café
– Cafés especiais e gourmets
– Processo produtivo: da colheita ao grão verde
– Torra e empacotamento
– Métodos de preparação de café
– O Universo do espresso
– Regulagem da máquina de espresso e moinho
– Espresso: parâmetros
– Espresso: diagnóstico visual, olfativo e gustativo
– Identificação de um bom café
– Vaporização do leite
– Preparação de cappuccino nos padrões oficiais de competição
– Coffee Menu e drinques com café
– Armazenamento Adequado do café
– Manutenção e limpeza da máquina de espresso

Próximas datas: 22/6; 23/6; 24/6; 29/6; 30/6; e 1/7
Local: Rua Oscar Freire 413 – Jardins – São Paulo (SP)
Horário: 19h às 22h.
Custo: R$ 650
Mais informações: www.santograo.com.br
*O Santo Grão conta, ainda, com diversos cursos voltados para profissionais, como degustação, latte art e métodos de preparo. Se informe no site sobre datas e inscrições.

Belo Horizonte (MG)
Curso de Barista – Academia do Café
Com o objetivo de trabalhar as técnicas de extração do espresso, preparo de drinques e a vaporização do leite, no curso é possível aprender o conteúdo básico para a elaboração de um bom café.

Conteúdo
– Teoria (história do café, região produtora, tipos de grão)
– Café coado
– Vaporização
– Regulagem de moinho
– Cupping
– Extração de espresso e variações
– Preparação de drinques

Próximas datas: 18/7 e 19/7
Local: Rua Grão Pará, 1.024 – Funcionários – Belo Horizonte (MG)
Custo: R$ 730
Mais informações: shop.academiadocafe.com.br/
*A Academia do Café conta, ainda, com diversos cursos voltados para profissionais, como degustação, torra, barista e latte art. Se informe no site sobre datas e inscrições.

Santo Antônio do Amparo (MG)
Curso de Cafés para Coffee Lovers – Fazenda Cachoeira
Voltado para os apreciadores de café, o curso conta com a supervisão de Verônica Belchior, barista e provadora, e do sócio proprietário da Fazenda Cachoeira Roger Daros, barista, provador e mestre de torra. O curso aborda as diferentes formas de degustar café, técnicas de avaliação profissional utilizando o protocolo da Specialty Coffee Association of America (SCAA).

Conteúdo
– Conhecimento teórico (noções de taxonomia vegetal, morfologia e fisiologia vegetal, anatomia vegetal e ecologia).
– Reconhecimento da qualidade do café (conceitos de qualidade, como e onde comprar um bom café, importância da qualidade da água, comparação sensorial de diferentes métodos de preparo).
– Classificação e degustação (detalhes do protocolo SCAA, Cupping I – análise geral sobre os cafés -, Cupping II – análise de diferenças e defeitos -, processamento e qualidade do café, regiões produtoras de café no Brasil e no mundo).
– Prática: classificação de café verde, manuseio da ferramente Les Nez du Café, noções de torra e passeio pela fazenda no intuito de desvendar processos evolutivos, critério de preparo dos grãos e noções práticas sustentas aplicadas na produção.

Próximas datas: 4 e 5 de julho
Local: Fazenda Cachoeira – Rodovia 381 – Santo Antonio do Amparo (MG)
Custo: R$ 306
Mais informações: cachoeiracoffees@gmail.com ou www.cachoeiracoffees.com.br

Curitiba (PR)
Cupping para apreciadores – Lucca Cafés Especiais
Com foco nos métodos de provas de cafés especiais, o curso é composto de aulas didáticas sobre espécies, variedades, processos e regiões do grão e demonstrações práticas na identificação de aromas, sabores e acidez do café.

Conteúdo
– Definição de cafés especiais
– O que é o café?
– Espécies
– Variedades
– Regiões
– Processos
– Cafés especiais versus cafés comerciais
– Certificações
– Flavour Wheel
– Folha de prova
– Protocolo
– Cupping

Próximas datas: 24 de julho
Local: Alameda Presidente Taunay, 1326 – Mercês – Curitiba (PR)
Custo: R$ 200
Mais informações: (41) 3024-6950 / (41) 9822-5552; eduardo@luccacafesespeciais.com ou luccacafesespeciais.com
*O Lucca Cafés Especiais conta, ainda, com diversos cursos voltados para profissionais, como plano de negócios para montar uma cafeteria, barista e latte art. Se informe no site sobre datas e inscrições.

TEXTO Da redação • FOTO Pedro Alves/Café Editora

Mercado

Marcas de café inovam em propaganda e despertam atenção

cafe_pele_propaganda_bocejos

Duas marcas conhecidas no mercado de café despertaram a atenção nas últimas semanas pelas campanhas criativas que apresentaram ao público.

A primeira ação foi desenvolvida pela agência de publicidade Lew’LaraTBWA para o Café Pelé, com um trabalho que instalou painéis digitais na estação Fradique Coutinho, da linha 4-Amarela do metrô de São Paulo. Nestes painéis, uma imagem de um homem era mostrada e, com a ajuda de um sensor de presença, ele bocejava sem parar toda vez que alguém se aproximasse. De repente, várias pessoas na mesma plataforma começavam a bocejar, iniciando assim, uma epidemia de bocejos, já que a reação é “contagiosa”.

Ao final, uma frase aparecia: “Bocejou também? É hora do café. Café Pelé”. A seguir, promotoras passavam distribuindo um café para despertar aqueles que bocejaram. “Aproveitamos que o bocejo é algo estranhamente contagioso e criamos uma epidemia dessa ação involuntária. A ideia é impactar as pessoas de uma forma diferente, fazendo com que o Café Pelé seja a primeira coisa que venha a mente delas quando bocejarem ou sentirem sinais de cansaço”, explica Rodrigo França, Diretor de Marketing de Café Pelé.

Assista a ação no vídeo abaixo:

 

A segunda ação é da Nescafé e é tão interessante quanto a que falamos acima. A marca instalou máquinas de café pelas ruas de Berlim, na Alemanha, para mostrar como o café pode aproximar as pessoas. A campanha, desenvolvida pela OgilvyOne Frankfurt, colocou um aparelho no mesmo espaço onde há um botão de pedestre para os semáforos. Na máquina, era possível ver, através de uma tela, a pessoa que estava do outro lado da rua, onde também foi instalado o mesmo dispositivo. A interação entre as duas pessoas que estavam tentando atravessar gerava um café na máquina e ambos saíam felizes, curtindo o café e a nova amizade.

Assista a ação no vídeo abaixo:

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação

Cafeteria & AfinsMercado

Cafeteria abre cursos para baristas e coffee lovers em São Paulo

octaviocafe_cafe_coado Entre os dias 20 e 26 de junho o Octavio Café realiza cursos para baristas e também para amantes do café em São Paulo. As aulas terão supervisão da barista e gerente de atendimento e qualidade da casa Tabatha Creazo, que irá falar sobre técnicas para o preparo de bebidas à base de café e temas a respeito do ciclo do grão no Brasil e no mundo. Com duração de dois dias, o curso de barista traz aulas sobre o processo produtivo do grão; degustação de defeitos; degustação de microlotes e diferentes perfis de torra; degustações de cafés tradicional, superior, gourmet e especial; trabalho sensorial; processo de torra; técnicas de vaporização de leite, criação de drinques, limpeza e manutenção de equipamentos e preparo do café nos métodos Hario V60, Chemex, Clever, Aeropress, prensa francesa, sifão, coador de pano, coador turco e cafeteira italiana. Ao final do curso, os alunos recebem um certificado em nome da UniOctavio. Já o curso Coffee Lovers conta com aulas teóricas sobre o processo evolutivo e o ciclo do grão ao redor do mundo, bem como descobertas e o sistema de colheita. A programação traz técnicas para melhorar o paladar e o olfato; degustação de espécies arábica e robusta e de cafés provenientes de diferentes regiões produtoras; além de preparo de café em diferentes métodos. Para as provas e preparos serão utilizados grãos provenientes das fazendas O’Coffee, do Octavio Café, localizadas na cidade de Pedregulho, interior de São Paulo. Serviço Barista Data: 20 e 21 de junho Horário: 9h às 17h Custo: R$ 750 Vagas: máximo de 12 pessoas por turma Coffee Lovers Data: 26 de junho Horário: 19h às 22h Custo: R$ 200 Vagas: máximo de 15 pessoas por turma Endereço: Octavio Café – Av. Brigadeiro Faria Lima, 2.996, São Paulo (SP)

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação

BaristaCafé & PreparosCafeteria & AfinsMercado

Belo Horizonte recebe feira gastronômica com produtos regionais

APROXIMA Neste 13 de junho, sábado, Belo Horizonte sedia mais uma edição da Feira Aproxima, patrocinada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e pelo Projeto Origem Minas. O Aproxima tem como objetivo valorizar a gastronomia da região, a feira de rua, e será realizado no Via Shopping Barreiro, em Belo Horizonte. Nesta edição o Aproxima contará com 8 barraquinhas que mantêm ligação direta com produtos de origem mineira, sendo 7 voltadas ao Projeto Origem Minas, iniciativa do SEBRAE e do Sistema FAEMG (representante de produtores rurais do Estado), e 1 para representar a Semana Internacional do Café (SIC) – encontro entre cafeicultores, profissionais do setor e apreciadores no intuito de promover o café de qualidade e desenvolver o mercado brasileiro nacional e internacional. A SIC será realizada de 24 a 26 de setembro deste ano em Belo Horizonte. Dentre os convidados neste sábado no Aproxima estão Café das Amoras, grãos do Sul de Minas; Doce da Roça, produtor de doces típicos; Colorado Minas, Backer e Kud Bier, fabricantes de cervejas artesanais; Pastree Alimentos, com opções de molhos à base de tomate. Haverá também coxinha, doce de leite, cachorro-quente mineiro e comidinhas tradicionais e representativas da região. APROXIMA3 O destaque da Semana Internacional do Café será o serviço de cafés de regiões brasileiras e a divulgação do maior encontro de café do Brasil para o público, que poderá ter experiências sensoriais e aromáticas ao provar os cafés preparados. Na barraca da SIC o serviço de café será feito em parceria com a Liga dos Baristas – coletivo mineiro de profissionais que preparam o café com conhecimento de causa. Os baristas servem o cliente, explicam sobre os métodos, sabem tudo sobre o grão e são especialistas no que fazem. Será possível encontrar grãos do Cerrado Mineiro (MG), Chapada do Norte (BA), Mantiqueira de Minas (MG), Matas de Minas (MG) e Sul de Minas (MG), extraídos nos métodos aeropress, french press, hario V60, chemex, globinho (sifão) e gino. liga dos baristas A feira também conta com o evento paralelo Circuito Aproxima onde 70 restaurantes disputam um prato elaborado com pelo menos 1 ingrediente local. Estes serão servidos nos próprios estabelecimentos durante o período de 1 mês. Serviço Feirinha Aproxima Data: 13/6, sábado Local: estacionamento do ViaShopping – Av. Afonso Vaz de Melo, 640 – Barreiro, Belo Horizonte – MG Horário: 10h às 17h Custo: Gratuito Mais informações: projetoaproxima.com.br

TEXTO Da redação • FOTO Divulgação

Cafeteria & Afins

Dylan Cafe & Bakery – Brasília (DF)

dylancafe_outraequina

Farinha, água e sal. É essa simplicidade de ingredientes nos pães preparados na Dylan Cafe & Bakery que garante a riqueza de sabor da produção toda elaborada com fermento natural. A ideia de uma montar uma padaria/café na capital federal partiu do brasileiro Fabrício Campos de Brito e da argentina Mariela Sztrum. Após 10 anos morando em Sidney, na Austrália, o casal decidiu tentar uma experiência no Brasil.

A cultura dos pães de fermentação natural (sourdough) e do café faz parte do dia a dia da cidade australiana e acabou inspirando a dupla, que apostou em Brasília para começar o negócio. As muitas embaixadas e uma população local aberta a novos conceitos e sabores motivaram a abertura do espaço em setembro do ano passado.

e47_52

Um belo café da manhã
Na Dylan, Fabrício e Mariela preparam pães dos mais variados como o multigrãos, o de nozes com ameixa, o de azeitona e alecrim, a ciabatta, a challa, o bagel, o brioche, entre outros. Não espere o tradicional pãozinho francês, velho conhecido do público brasileiro. Na casa, os pães têm sabor e textura marcantes. Sem o uso de fermentos químicos ou melhoradores, os produtos são preparados com um mix de farinhas e água que fermenta em temperatura e umidade controladas, a frio, por um período de 12 a 14 horas, o que resulta na qualidade de cada filão.

dylancafe_outraesquina

Além dos pães, a dupla também elabora sanduíches, brownies, bolos, muffins, saladas e tarteletes. Prove, ainda, o bircher muesli, cereal que leva granola com aveia, suco de laranja, iogurte natural, frutas secas e hortelã. Destaque para o sanduíche de pastrami e o muffin de pera com chocolate amargo. As delícias do cardápio podem ser acompanhadas do café Toledo, preparado como espresso, latte, mocaccino ou americano. O chai latte soja é boa opção para quem deseja pular o café. Fabrício e Mariela indicam o banana bread ou uma torrada sourdough com cream cheese e geleia artesanal de manga, gengibre e hortelã para fazer par com as bebidas

dylancafe_outraesquina

A simplicidade na gastronomia da Dylan se reflete também no ambiente. O espaço é amplo e aconchegante, perfeito para ficar horas lendo um livro, ouvido música ou provando as opções do menu.

 

Informações sobre a Cafeteria

Endereço SCLS, 315 bloco A, loja 15
Bairro Asa Sul
Cidade Brasília
Estado DF
País Brasil
Website http://www.facebook.com/Dylancafebakery
Telefone (61) 3363-1294
Horário de Atendimento De terça a sexta, das 9h às 20h. Sábado, das 9h às 19h. Domingo, das 10h às 18h.
TEXTO Hanny Guimarães • FOTO Bernardo Moreira/Divulgação